Quinta-feira, 09 de Dezembro de 2010

 

IGREJINHA

 

Lá no fim desse caminho

De manhã muito cedinho

Eu costumo passear


Pois ali pertinho existe

Uma igrejinha branca e triste

Onde meu bem vai rezar


Mas num jardinzinho ao lado

Surge um beija-flor dourado

Despetalando uma flor


Choro então com agonia

Pois essa flor que morria

Parecia meu amor


Noites tristes, mas que importa,

Se minha alma quase morta

Em soluços se desfaz?


Hoje é tudo tão tristonho

Para mim que já não sonho

Nem desejo viver mais…

 

 


Mira Lopes

 


I feel like a:
proudly received by Maria João Brito de Sousa às 15:13

Segunda-feira, 10 de Maio de 2010

 

 

DEIXEM PASSAR A JOÃO!

 

 

Vejo-te pela rua andando só

Na boca um sorrisito especial

Estás indo em direcção ao CJO

Quem sabe ao Centro até (Paroquial)

 

E vou pedir a eles "tenham dó!

Se aí se demorar... ah, não faz mal!

Não deixa que os pc's ganhem o pó

E lê o que escreveram... natural...

 

"Deixem, que essa miúda, ela promete!

Em casa não tem nada de Internet

Por isso é que aí vai e bem merece!"

 

Nesta manhã chuvosa estou a ver-te

E para não ficar aqui inerte

Fiz este sonetinho. Agora esquece.

 

 

 

 

Joaquim Sustelo, 08.05.2010

 

 

I feel like a:
proudly received by Maria João Brito de Sousa às 16:21

Segunda-feira, 01 de Fevereiro de 2010

Escrever é pintar telas que do espaço
Nos chegam quando abrimos as janelas
Da alma... e nós tentamos traço a traço
Reproduzir assim algumas delas


Escrever é chamar gente ao nosso passo
Mostrarmos passo a passo ideias belas
Em êxtases alheios ao cansaço
Libertos de grilhões ou de cancelas


Escrever seja ele prosa ou poesia
É algo que se tenta com magia
Fazer que quem nos leia tenha enlevo


A música em palavras enriquece
E dá-se se a metáfora acontece.
Em busca do que digo, então eu escrevo.


Joaquim Sustelo
(em CAMINHOS DA VIDA)

 

http://tardesdeoutono.blogs.sapo.pt/

proudly received by Maria João Brito de Sousa às 15:20

Segunda-feira, 27 de Julho de 2009

"Arca de Noé"  



Somos todos como pequenos peixes neste grande mar da vida

Quase não seguimos a propria rota e nem sabemos nadar

Somos pequenos peixes e até gostamos de andar aos "mergulhos"

Sempre movendo as barbatanas lá sobrevivemos ao mar da vida



Somos todos como pequenos pássaros no céu do nosso universo

Não nos deram grandes asas mas consideramo-nos levezinhos

Aguentando os contra-ventos dos "pássaros grandes" quando batem as asas

Somos imprevisíveis e velozes e lá vamos sacudindo as "penas"



Somos todos leões e Clown`s deste espectáculo comum

Andamos sujos e limpos, somos cordeiros e féras

Somos todos lobos neste bosque da sobrevivência

Somos um "bando á espera" de uma dentada num caçador



Somos bestas e cordeiros neste circo geral

Todos nús e vestidos, todos livres e presos

Somos os animais deste planeta

Um bater de asas e um abanar de cauda



Gaiola aberta...... gaiola fechada

 

 

 

Oferecido por http://free-stile.blogs.sapo.pt/

 

Imagem retirada da internet


I feel like a:
proudly received by Maria João Brito de Sousa às 15:37

Quarta-feira, 01 de Julho de 2009

 Os poemas que pode ler  no meu blog e muitos outro estão publicados no meu livro "SUSPIROS"  publicado a 22-11-2008,quem estiver interessado em ter esta obra pode enviar-me um email para o meu endereço casimirocosta@sapo.pt o valor do livro são 9€ (mais portes de envio) e 10% desse valor reverte para a instituição de solidariedade O BERÇO de Viana do Castelo.

Uma excelente prenda para quem goste de poesia com sentimento.
Tel. de cont. 961127510 ou 910541111

 

I feel like a:
proudly received by Maria João Brito de Sousa às 16:19

Segunda-feira, 01 de Junho de 2009


 Os poemas que abaixo pode ler e muitos outros estão publicados no meu livro "SUSPIROS"  publicado a 22-11-2008,quem estiver intereçado em ter esta obra pode enviar-me um email para o meu endereço casimirocosta@sapo.pt o valor do livro são 9€ (mais portes de envio) e 10% desse valor reverte para a instituição de solidariedade O BERÇO de Viana do Castelo.

Uma excelente prenda para quem goste de poesia com sentimento.
Tel. de cont. 961127510 ou 910541111

 

I feel like a:
proudly received by Maria João Brito de Sousa às 15:00

Quarta-feira, 18 de Março de 2009

 

O meu amigo Manu do http://manulomelino.blogs.sapo.pt/ ofereceu-me este magnífico prémio, a cheirar a Primavera.

Aqui vão os links dos blogs com quem eu vou partilhar estas flores e esta borboleta.

 

http://escritosdeeva.blogs.sapo.pt/

 

http://estrelaquebrilha.blogs.sapo.pt/

 

http://paula-travelho.blogs.sapo.pt/

 

http://mais-um-blog.blogs.sapo.pt/

 

http://free-stile.blogs.sapo.pt/

 

http://oblogdajoanina.blogs.sapo.pt/

 

e, ainda,

 

http://blablabla.blogs.sapo.pt/

 

Mas esperem! Eu disse "dois em um" e por isso aqui está mais um Prémio da Poesia, oferecido, desta vez, pelo meu amigo Fisga

do http://planeta-sol.blogs.sapo.pt/

 

Aqui fica o soneto, conforme prometido, e , uma vez que já nomeei os oito blogs da praxe e ainda nem todos responderam,

peço-vos que o levem todos os que por aqui passarem, por acaso, ou vindos pela entrada que deixarei aberta no poporkedeusker.

 

 

CONFIO

 

Confio por não ter nada a perder,

Ou por ter a ganhar. Nunca sei bem…

Confio em mim, em ti e noutro alguém

Desde que sinta o “dar” e o “receber”…

 

Confio, sobretudo, por saber

Que quem nunca confia, nunca tem,

Esta alegria de sentir-se bem

E de poder criar e conceber.

 

Confio, quanta vez em contra-senso,

Muito mais no “sentir” do que no “penso”,

Muito mais por “espontânea combustão”

 

Do que por racionalismo ou, tão-somente,

Porque é bonito ou é conveniente…

[Confio em toda a forma de ilusão]

 

 

 

I feel like a:
proudly received by Maria João Brito de Sousa às 13:47

Sexta-feira, 13 de Março de 2009

 

 

 

 

 

 

A minha amiga Maria do http://blablabla.blogs.sapo.pt/

propôs-me um poema sobre a "Confiança" e eu respondo-lhe aqui.

Este desafio implica que eu o passe mais oito bloggers, avisando-os através de comentários nos seus blogs.

 

 

 

 

 

 

Aqui está o meu soneto "Confiança" e os blogs que premiarei são:

 

http://orquideanegra.blogs.sapo.pt/

 

http://visserofelici.blogs.sapo.pt/

 

http://oblogdajoanina.blogs.sapo.pt/

 

http://ligeirinha.blogs.sapo.pt/

 

http://free-stile.blogs.sapo.pt/

 

http://blogando-me1.blogs.sapo.pt/

 

 http://adnirolfpa.blogs.sapo.pt/

 

 e ainda um nono blog,http://linhaseletras.blogs.sapo.pt/

Assim que tenha uns momentinhos livres, passarei aos comentários de aviso nos blogs premiados. Um muito obrigada à Maria.

 

 

Confio, porque sendo confiante

Consigo ser feliz e estar cumprida.

Confio nessa vida além da vida,

Tão próxima e, contudo, tão distante.

 

Confio e confiando sigo avante

Em direcção à Terra-Prometida,

Confiante de, então, ser recebida

Na paz serena dessa luz constante.

 

Confio nestes passos que aqui dou,

No caminho que traço e que deixou

Um rasto de palavras como herança.

 

Confio nestas mãos que me conduzem

E em todas as coisas que produzem

Quando feitas com fé e confiança.

 

proudly received by Maria João Brito de Sousa às 13:24

Quinta-feira, 04 de Dezembro de 2008

 

Este é um prémio muito especial! Ganhei-o no Desfile de Rosas do Free-Stile por ter desfilado "De Alma Nua".

 

http://free-stile.blogs.sapo.pt/

 

Um abraço e muito obrigada, Free!

 

I feel like a:
proudly received by Maria João Brito de Sousa às 00:28

almost everything about me
look for it
 
Janeiro 2017
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
25
26
27
28

29
30
31


last words
Obrigada, amiga!O meu dia promete muita dor e desc...
Tua Poesia,Acabou de embelezar o prémioe de que ma...
Abraço grande! Obrigada pelo teu comentário e pel...
Poesia fresca gotejante, como flor que é!Inútil ou...
Feliz tarde também para ti, Anjo!
Vivaaaaaaaafeliz tarde
Viva a Poesia, Anjo!
E viva a Poesia
Tens toda a razão, Maria Luísa! Respondo apenas pa...
Mª. joãoProcura responder só ao que interessa muit...
small parts of me
Patrocinadores :)
Visitors since 09.03.13
subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro